Bom dia, boa tarde, boa noite, ou seja lá a hora que você estiver lendo isso :)

Filmes com protagonistas gordas para inspirar

Filmes com protagonistas gordas: 5 comédias românticas para inspirar

Os filmes com protagonistas gordas provam que o amor é sim para todo mundo! Confira 5 comédias românticas para inspirar e suspirar!

publicidade

publicidade

Filmes com protagonistas gordas: 5 comédias românticas para inspirar

Os filmes com protagonistas gordas provam que o amor é sim para todo mundo! Confira 5 comédias românticas para inspirar e suspirar!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Filmes com protagonistas gordas para inspirar

publicidade

publicidade

As comédias românticas variam bastante, mas quase sempre mantêm um mesmo formato. Pessoas que se encontram e se apaixonam, vivem um romance, passam por alguns perrengues na relação e até mesmo uma separação. Porém, no final, ficam juntos, porque o amor vence tudo. É clichê, mas é lindo, não é mesmo? Mas em quantos desses filmes as protagonistas são gordas?

Há anos, esses filmes reforçam padrões de beleza quando se fala de amor, relacionamento e troca de afetos. Nas comédias românticas da TV e do cinema, quantas mulheres gordas fazem parte desse casal? Sim, é difícil responder, mas não é impossível! Veja 5 filmes com protagonistas gordas que trazem um novo olhar – e muita representatividade – para essas narrativas. 

1) Megarromântico (2019): no filme, a protagonista gorda traz reflexões sobre a “vida perfeita”

Uma comédia romântica que faz deboche com o próprio gênero? Pois é, nem Natalie, personagem de Rebel Wilson em “Megarromântico”, acredita que a sua vida se transformou em uma.

Créditos: Netflix

A arquiteta, que sempre achou que o amor não era para ela, se vê literalmente vivendo todos os clichês dos romances de cinema depois de bater a cabeça em uma pilastra, com direito a uma casa incrível, roupas da moda e namoro com o galã. O filme garante boas risadas e reflexões sobre a tal vida perfeita – que pode nem ser tão boa assim. 

2) Como Ser Solteira (2016): as desconstruções do papel da amiga gorda

É a atriz Rebel Wilson que também está no filme “Como Ser Solteira” e cabe a ela mostrar à amiga Alice que existe vida depois de um término de relacionamento. Aliás, existem muitas festas, dicas e mais um monte de truques que a sua personagem Robin não tem vergonha de mostrar.

Créditos: Copyright 2016 Warner Bros

Apesar de reproduzir certos estereótipos, o filme traz uma protagonista gorda, valoriza a força e a união feminina e desconstrói o papel da amiga fora do corpo padrão, que, em muitos filmes, fica sempre em segundo plano e atua apenas como mero suporte para a mocinha da história. 

3) Sexy por Acidente (2018): o filme mostra um novo olhar sobre o próprio corpo

O filme tinha tudo para ser problemático: uma protagonista gorda que não corresponde aos padrões de beleza impostos pela sociedade decide mudar sua aparência para se sentir aceita. Só que a única coisa que mudou foi o seu jeito de olhar para si mesma, depois de sofrer um acidente na academia.

Créditos: Concorde Filmverleih GmbH

Protagonizado pela atriz Amy Schumer, o filme “Sexy por Acidente” mostra que dá para se sentir mais plena, confiante e feliz sendo exatamente como se é, mesmo que pareça clichê. É bem interessante refletir sobre a beleza ser um sentimento, um estado de espírito. 

4) Hairspray – Em Busca da Fama (2007): anos 60, mas com questões bem atuais

O famoso musical da Broadway inspirou o divertido filme de mesmo nome, com a atriz Nikki Blonsky brilhando no papel de Tracy Turnblad. No filme, a protagonista é uma adolescente gorda, que também queria ter seu espaço em um concorrido programa de dança.

Créditos: New Line Cinema

Apesar de a história se passar nos anos 60, o filme mostra problemas ainda bem atuais, incluindo preconceito racial e aceitação do próprio corpo. Spoiler: vai ser difícil não querer sair dançando pela casa inteira!

5) As Férias da Minha Vida (2006): inspiração para quem acha que é tarde demais

O que você faria se descobrisse que tem apenas algumas semanas de vida? Pode parecer um tanto mórbido, mas foi isso que motivou a tímida vendedora Georgia, interpretada por Queen Latifah, em “As Férias da Minha Vida”, a levantar a poeira, dar a volta por cima e partir para uma viagem para a Europa e curtir ao máximo o pouco tempo que tem.

Créditos: Divulgação

Além de inspirador, o filme também é o puro deleite da culinária francesa, já que a protagonista sonha em ser chef de cozinha e conhece renomados profissionais nessa jornada.

Filmes com protagonistas gordas mostram que o amor é para todas!

Por mais clichê que seja o gênero, as comédias românticas continuam fazendo sucesso e não é à toa: afinal, quem não curte uma boa história de amor, que faz rir, chorar e ainda inspira casais apaixonados? Mais do que isso, quando elas incluem outros tipos de pessoas além do padrão, também mostra que o amor é para todo mundo!

Foto de capa: Copyright 2016 Warner Bros

CURTIU? COMPARTILHE AQUI

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no tumblr
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Redação Alexandrismos

Redação Alexandrismos

Somos uma equipe de profissionais e colaboradores empenhados em transformar através da informação e da diversidade. Enquanto veículo, queremos construir uma nova forma de dialogar na internet sobre #CorpoLivre.

publicidade