Bom dia, boa tarde, boa noite, ou seja lá a hora que você estiver lendo isso :)

Namoro virtual é perigoso? “O Golpista do Tinder” reacende alerta

"O Golpista do Tinder", documentário da Netflix, conta a história de mulheres que perderam grandes quantias de dinheiro e é um alerta sobre os riscos dos aplicativos de relacionamento. Veja!

publicidade

publicidade

Namoro virtual é perigoso? “O Golpista do Tinder” reacende alerta

"O Golpista do Tinder", documentário da Netflix, conta a história de mulheres que perderam grandes quantias de dinheiro e é um alerta sobre os riscos dos aplicativos de relacionamento. Veja!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Namoro virtual é perigoso? "O Golpista do Tinder" reacende alerta

publicidade

publicidade

Começar um namoro online pode ser divertido e excitante, ainda mais em tempos de isolamento social. Mas também conhecer alguém por um aplicativo tem seus riscos. Se você tem acompanhado as redes sociais pelos últimos dias, deve ter notado que a internet não para de falar sobre “O Golpista do Tinder”.

O documentário da Netflix narra a história de mulheres que se envolveram com o israelense Shimon Hayut. Conhecido como Simon Leviev, ele roubou grandes quantias de dinheiro das pessoas com quem deu match no aplicativo.

Ao longo de 2018 e 2019, ele convenceu as vítimas de que era um bilionário, exibindo seu estilo de vida luxuoso, na esperança de ganhar a confiança de suas namoradas. Uma vez que conhecia e se envolvia com as mulheres pelo Tinder, o golpista as convencia a “emprestar” dinheiro, que no fim usava apenas para bancar sua vida de luxo com outras mulheres, e assim por diante.

É simplesmente magnético”, diz ex-namorada de Simon

Em uma entrevista ao “Stylist”, uma ex-namorada e vítima do golpe de Simon Leviev disse que nunca passou pela sua cabeça que ele não era quem dizia ser.

“É simplesmente magnético. Ele parecia superinteligente e ambicioso. Enviou lindos buquês para o meu apartamento e me mandava mensagens todas as manhãs. Sou fã de romance à moda antiga, então, de certa forma, fui a vítima perfeita. Ele sabia como me pegar”, disse Cecilie Fjellhøy.

De acordo com os últimos números da Which?, marca que promove a escolha informada do consumidor na compra de bens e serviços, os relatos de golpes dispararam durante a pandemia, principalmente no Reino Unido. A análise do grupo de consumidores dos dados descobriu que os relatórios de fraude aumentaram 40% em comparação com 2020, com mais de 7.500 fraudes.

Como identificar um golpista em aplicativos de relacionamento?

Aplicativos de namoro populares, como o Tinder, têm vários recursos e dicas de segurança detalhadas para ajudar a proteger os usuários. No entanto, como mostrado no caso de “O Golpista do Tinder”, há quem ainda consiga pintar uma história convincente de sua falsa identidade. Mas como identificar que está passando por um golpe?

De acordo com a empresa de consultoria financeira Money Helper, os golpistas são atraídos para sites de namoro porque sabem que as pessoas estão procurando fazer uma conexão pessoal e que podem usar esse desejo de proximidade a seu favor.

O abuso emocional acontece com sequências de declarações de amor para conquistar esse afeto ou até mesmo usar histórias sobre tragédias pessoais para tentar ganhar empatia. A partir daí, usarão várias formas de manipulação para extorquir dinheiro das pessoas. Assim, se alguém que você conheceu online está pedindo dinheiro por qualquer motivo, é uma bandeira vermelha.

Como ficar seguro ao começar um namoro virtual?

Infelizmente, existem pessoas ruins tanto no mundo real quanto no virtual. Nem todo mundo em um aplicativo de namoro está procurando por amor e algumas pessoas usam os sites para procurar vítimas. Por isso, é necessário tomar certas precauções, como verificar as redes sociais, promover encontros em locais públicos, nunca aceitar uma bebida que está esperando por você, evitar entrar no carro de estranhos e, por fim, confiar no seu instinto e saber dizer “não” ao sentir ameaça.

Foto de capa: Divulgação / Unsplash

CURTIU? COMPARTILHE AQUI

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no tumblr
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Redação Alexandrismos

Redação Alexandrismos

Somos uma equipe de profissionais e colaboradores empenhados em transformar através da informação e da diversidade. Enquanto veículo, queremos construir uma nova forma de dialogar na internet sobre #CorpoLivre.

publicidade