Bom dia, boa tarde, boa noite, ou seja lá a hora que você estiver lendo isso :)

Sair do sedentarismo é possível!

5 razões para sair do sedentarismo e escolher um exercício físico

Quer dicas para sair do sedentarismo e escolher um exercício físico que é a sua cara? Então simbora!

publicidade

publicidade

5 razões para sair do sedentarismo e escolher um exercício físico

Quer dicas para sair do sedentarismo e escolher um exercício físico que é a sua cara? Então simbora!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Sair do sedentarismo é possível!

publicidade

publicidade

Você já sabe que praticar exercícios físicos é importante, que vai te trazer mais saúde, disposição e um corpo mais livre. Mas é difícil começar, não é mesmo? Como escolher uma atividade física que você gosta e que também vai te trazer benefícios a curto e a longo prazo? A professora de Educação Física Ingrid Sayuri (CREF 163863-G/SP) pode te ajudar nessa tarefa, que muitas vezes parece impossível, mas não é! Confira 5 motivos para movimentar o corpo e sair do sedentarismo!

1) Não existe um exercício físico ideal

Você pode ter ouvido mil dicas sobre o exercício físico perfeito, mas a verdade é que não existe um modelo ideal. De acordo com a professora Ingrid Sayuri, o mais importante é respeitar a sua individualidade, não só considerando o seu tipo de corpo, mas também sua personalidade, estilo de vida, rotina de trabalho e toda a sua complexidade. “Cada ser humano é um universo todo”, ressalta a profissional. 

Por isso, não deixe de se movimentar porque ainda não encontrou o seu exercício ideal, até porque ele não existe. Para encontrar o que tem mais a ver com você, no entanto, você precisa testar. E testando você vai descobrindo o que curte e o que acha chato. Nem sempre vai ser de primeira que esse match vai acontecer.

2) O coração também é um músculo e precisa de movimento

Uma das grandes motivações para que alguém comece a se exercitar é focar na aparência do corpo e conquistar músculos definidos. Mas é importante lembrar que o coração também é um músculo, ou seja, ele precisa ser trabalhado para não atrofiar. “Se o nosso coração for perdendo a função dele, a gente vai ter prejuízo na circulação sanguínea, o que também prejudica a oxigenação dos tecidos, desencadeando uma série de problemas”. 

Então, não adianta estar motivada para fazer exercício físico apenas com o objetivo estético, já que partes internas do corpo também necessitam desse movimento para funcionar corretamente. Antes de tudo, é sobre qualidade de vida. 

3) Você não precisa de acessórios para sair do sedentarismo

Outro fator que faz muita gente desistir de escolher um exercício físico antes mesmo de tentar é a quantidade de acessórios envolvidos para fazer um simples movimento. Porém, a professora Ingrid conta que dá sim para fazer exercícios usando o peso do próprio corpo, como a ginástica calistênica. “Um dos princípios da calistenia é justamente trabalhar os músculos grandes e o corpo todo”. 

Além disso, esse método de treino também é mais acessível e você pode fazer em qualquer lugar, sem precisar de recursos extras. “É uma ginástica pedagógica, historicamente conhecida por levar o praticante a conhecer o próprio corpo por meio dos movimentos”. Você pode aprender mais sobre calistenia assistindo esse vídeo e acompanhar o instagram do Movimento #CorpoLivre. 

4) Você produz hormônios que influenciam no seu bem-estar

Independentemente do exercício físico escolhido, o corpo produz um hormônio chamado cortisol, que te ajuda a ficar ativa. “Em excesso, porém, ele pode atrapalhar a qualidade do sono, por exemplo”, explica. “Quando a gente diminui essa quantidade, a gente aumenta a produção de serotonina e dopamina, responsáveis pela sensação de bem-estar. 

Esse reequilíbrio hormonal ajuda no bom funcionamento do cérebro, que ativa a memória, melhora o foco, que te faz sentir mais animada, ter mais prazer. Em resumo: nada no corpo acontece de forma isolada e mantê-lo em movimento contribui para que tudo funcione corretamente e em conjunto. Nesse vídeo aqui, você confere mais benefícios do exercício físico para o corpo. 

5) O exercício físico é bom, o padrão estético que o corrompe

Para finalizar a lista, Ingrid Sayuri afirma que a busca por um padrão estético é o que mais atrapalha ao escolher um exercício físico, fazendo uma associação com a célebre frase de Rousseau. Isso significa que a melhor pedida para aproveitar todos os benefícios dos exercícios físicos é se movimentar por amor ao próprio corpo. “Espero que a gente comece a aprender juntos como funciona o corpo para que o exercício físico faça sentido para você. Corpo é movimento!”. 

Sair do sedentarismo é um processo diário

Não se culpe por não conseguir se exercitar. Bem sabemos o quanto a pressão estética e a gordofobia inviabilizaram a prática de atividade física e esportes por anos. No entanto, hoje é possível ter um corpo mais livre e movimentado! Um dia de cada vez você vai percebendo que é possível, que seu corpo vai amar tudo isso. Não se pressiona, tá?

Bora se exercitar então? Faz bem pra você, tenta, meuamô!

Foto de capa: Adobe Stock

CURTIU? COMPARTILHE AQUI

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no tumblr
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Redação Alexandrismos

Redação Alexandrismos

Somos uma equipe de profissionais e colaboradores empenhados em transformar através da informação e da diversidade. Enquanto veículo, queremos construir uma nova forma de dialogar na internet sobre #CorpoLivre.

publicidade